Vídeo: Oliver Queen aparece bem machucado na sétima temporada de Arrow - EntrePOP
Siga-nos em nossas redes

Séries

Vídeo: Oliver Queen aparece bem machucado na sétima temporada de Arrow

Publicado a

em

A vida de Oliver Queen na prisão não será nada fácil na sétima temporada de Arrow. O ator Stephen Amell postou um vídeo dos bastidores da gravação do seriado onde apareceu com o rosto bem machucado.

No vídeo em que conversa com os fãs, diz que em quatro dias de gravação já ficou mais “fisicamente exausto” do que durante algumas temporadas anteriores inteiras.

Ele também avisou que está apanhando todos os dias, mas pelo estado que se apresentou no vídeo nós já poderíamos imaginar.

Boneco de Pano é adicionado à quinta temporada de The Flash

A sétima temporada de Arrow volta para a CW em 15 de outubro. No Brasil, é a Warner Channel que transmite o seriado, mas ainda não ha uma previsão de quando o novo ano chega ao país.

Comentários

Séries

5 Séries de TV Sci-Fi para Assistir no Fim de Semana em Casa

Publicado a

em

Hoje, quem é que vive sem séries de TV? Elas já fazem parte da nossa cultura e do modo como consumimos entretenimento. Apesar de elas não serem essencialmente novas (elas já estavam bastante popularizadas, no formato como as conhecemos, nos anos 60-70).

Se você ama séries de TV, principalmente do gênero Sci-Fi (Scientific Fiction, ou Ficção Científica na nossa linguagem), nós temos uma lista de cinco indicações excelentes para passar aquele fim de semana em casa – e, se você está lendo isso no inverno, a lista fica ainda melhor e ganha ainda mais utilidade.

1. Lost in Space

Criada por Irwin Allen e exibida na Netflix, Lost in Space é uma ótima série com temática espacial. O enredo mostra a saga dos membros da família Robinson e a nave espacial Jupiter 2, em 2046, que atravessa uma fissura no espaço-tempo, caindo em um planeta não mapeado. A família Robinson e os outros colonos começam a enfrentar os desafios de um ambiente alienígena desconhecido e hostil, tentando escapar do planeta e lidar com seus próprios conflitos.

A série conta com estrelas como Toby Stephens (no papel de Jon Robinson, um ex-fuzileiro naval) e Molly Parker (como Marueen Robinson, uma engenheira aeroespacial e comandante da Jupiter 2).

2. Helix

Helix, exibida no canal Syfy, é a série criada por Cameron Porsandeh cujo enredo é o de uma infecção por vírus numa estação de pesquisa científica. É a “típica” pandemia iniciada por “acidentes” laboratoriais, pronta para varrer a humanidade. Com uma boa dose de horror, a série mostra os protagonistas Alan Farragut (o ex-cientista do CDC, interpretado por Billy Campbell) e Hiroshi Hatake (o cientista e vilão, interpretado por Hiroyuki Sanada).

Diferente do suspense convencional desse tipo de série, o antagonista principal, Hiroshi, é revelado logo no início da série. Helix é uma ótima série se você gosta da temática de contaminações e, claro, uma boa dose de terror.

3. Star Trek: Voyager

Nenhuma lista de ficção científica fica completa sem o clássico Star Trek. Para muitos, esse foi o nome que popularizou o gênero e que realmente deu voz aos nerds e à “cultura nerd”. Star Trek: Voyager teve o primeiro episódio exibido em 1995 e o último em 2001, marcando a transição para as gerações dos millennials.

O enredo principal consiste nas aventuras da icônica USS Voyager (comandada por Kathryn Janeway, interpretada por Kate Mulgrew), que se perde no Quadrante Delta a 70000 anos-luz da Terra ao perseguir uma nave Maquis – e, claro, os desafios das tripulações das duas naves para enfrentar vários desafios e tentar retornar para casa.

A criação de Jeri Taylor, Kenneth Biller, Brannon Braga e Rick Berman sempre será uma referência para o gênero Sci-Fi.

4. Black Mirror

Criada por Charlie Brooker e exibida originalmente no Channel 4 (e, claro, transportada para a Netflix), Black Mirror não segue a estrutura tradicional das séries, apresentando episódios que se encerram em si mesmos e não têm relação com os outros. Cada episódio, assim, vira uma narrativa independente. Todas elas, porém, lidam geralmente com distopias ou críticas ao modo como vivemos nosso cotidiano.

Black Mirror é um espelho da sociedade como a vivemos – e, muitas vezes, como não a percebemos. Ao invés de ser interpretada como uma “profecia sobre distopias do futuro”, a série pode ser lida como uma crítica ao mundo contemporâneo, mesmo se valendo de elementos Sci-Fi.

5. 3%

Para colocar uma produção nacional na lista, 3% é o item perfeito. Criada por Pedro Agilera, ela conta com interpretações de Bianca Comparato (como Michele Santana), Michel Gomes (interpretando Fernando Carvalho), e Rodolfo Valente (atuando como Rafael Moreira), Vaneza Oliveira (Joana Coelho) e João Miguel (como Ezequiel).

Disponível na Netflix, a série tem como enredo um futuro distópico no qual apenas 3% das pessoas são selecionadas para viver numa sociedade utópica e “perfeita”. Os personagens precisam enfrentar vários desafios e provas de seleção para conseguir o objetivo de fazer parte desses 3%, enfrentando vários dilemas morais e, eventualmente, se questionando se essa sociedade é mesmo perfeita e se vale a pena abrir mão de tudo para conseguir participar de uma “elite”.

Uma ótima dica para amantes de séries é usar provedores VPN. Um provedor VPN (Virtual Private Network, “Rede Virtual Privada”), que são aplicativos que permitem manter a velocidade da conexão (impedindo a diminuição da velocidade de conexão, principalmente por parte dos próprios provedores de internet), ampliar a segurança e a confiabilidade da rede e, inclusive, alterar o endereço IP dos dispositivos, permitindo burlar restrições por geolocalização.

Há também provedores VPN específicos para Apple TV. Além disso, esses recursos permitem maior integridade e segurança ao utilizar serviços de streaming e ao realizar streamings em transmissões ao vivo, evitando a perda de velocidade, mantendo a integridade dos dados e a segurança da rede.

Continue lendo

Séries

Netflix lança trailer de O Escolhido, nova série brasileira; veja!

Publicado a

em

A Netflix lançou nesta quinta-feira (13) o pôster e o primeiro trailer da série O Escolhido. A produção é o primeiro suspense brasileiro da plataforma!

Adaptação da série mexicana ‘Niño Santo’, a série conta a história de três jovens médicos que são enviados a uma vila no Pantanal para vacinar os moradores.

LEIA TAMBÉM: Globo cancela série Ilha de Ferro, estrelada por Cauã Reymond

Eles são mandados para proteger os locais de uma nova mutação do vírus da Zika. Porém, a população recusa a vacina e eles ficam presos na comunidade isolada. O local é cheio de segredos e todos são devotos de um líder que confronta a fé com a ciência.

Além das primeiras imagens divulgadas, o vídeo mostra a identidade do líder misterioso, o ‘escolhido’, da série, que é vivido por Renan Tenca.

LEIA TAMBÉM: Bandidos na TV: Apresentador brasileiro que mandava matar por audiência vira série na Netflix

Os poderes enigmáticos do homem, farão Lucia (Paloma Bernardi), Damião (Pedro Caetano) e Enzo (Gutto Szuster) conduzir uma perigosa investigação no povoado protegido e sombrio.

A estreia da série está marcada para 28 de junho na Netflix. Produzido pela Mixer Films, a série é dirigida por Michel Tikhomiroff e escrita por Raphael Draccon e Carolina Munhóz.

Confira o trailer de O Escolhido, primeira série de suspensa brasileira da Netflix:

Foto: Divulgação/ Netflix

Continue lendo

Séries

Globo cancela série Ilha de Ferro, estrelada por Cauã Reymond

Publicado a

em

Ilha de Ferro, série original da Globoplay, foi cancelada após duas temporadas. Com um grande investimento para ser produzida, ela contava com Cauã Reymond no papel principal.

Além do ator, o elenco também conta com outros nomes de peso como Maria Casadevall, Sophie Charlotte, Klebber Toledo, Mariana Ximenes e Eriberto Leão.

LEIA TAMBÉM: Shippados, série com Tatá Werneck, ganha data de estreia no Globoplay

Segundo o site Notícias da TV, a emissora confirmou o fim da série “porque preferiu encomendar novos originais”.

Já segundo informações da colunista Patrícia Kogut, do jornal O Globo, os roteiristas da série já produziam a terceira leva de episódios quando receberam a ordem de parar.

Os cenários de Ilha de Ferro, incluindo uma plataforma de petróleo de 3 mil m² reproduzida nos Estúdios Globo, com um custo altíssimo de R$ 2 milhões, já estão sendo desmontados.

Foto: Divulgação/ Globo

Continue lendo

Séries

Punky, a Levada da Breca ganhará continuação na TV

Publicado a

em

Na última terça-feira (04), a UCP (Universal Content Productions) anunciou que desenvolverá uma sequência da série Punky, a Levada da Breca, clássico da década de 1980.

Segundo informações do site Variety, a nova produção trará a atriz que interpretou a Punky, Soleil Moon Frye, no papel de uma mãe solteira de três filhos.

LEIA TAMBÉM: Netflix lança trailer da Parte 3 de La Casa de Papel; veja!

Ela encontra uma jovem órfã enquanto está tentando organizar sua vida. Com o surgimento da garota, Punky relembrará de si mesma quando jovem.

Soleil Moon Frye também é consultora executiva da produção, junto com os dois criadores da série original, David Duchon e Jimmy Fox. A direção e roteiro estão sob o comando de Steve e Jim Armogida.

Punky, A Levada da Breca estreou em 1984 na NBC e foi transmitida por quatro anos na emissora. No Brasil, a série foi transmitida pelos canais Record e SBT.

Foto: Reprodução

Continue lendo

Séries

Baby Shark vai ganhar série na Nickelodeon

Publicado a

em

O vídeo viral ‘Baby Shark’ é um grande sucesso entre as crianças e, agora, vai se tornar uma série de TV!

A Nickelodeon desenvolverá uma série animada, mas ainda não há detalhes da produção. O vídeo original da música já conta com 2,8 bilhões de visualizações no YouTube

LEIA TAMBÉM: Shippados, série com Tatá Werneck, ganha data de estreia no Globoplay

Baby Shark capturou a imaginação de milhões de espectadores ao redor do mundo, então não é surpresa que seja um dos 10 vídeos mais assistidos do Youtube”, disse Ramsey Naito, executivo da Nickelodeon.

Baby Shark é parte de um novo plano do canal. Segundo o site Destak, a Nickelodeon criará programas com novos formatos para serem usados em outras plataformas.

Veja o vídeo original de Baby Shark no YouTube:

Foto: Reprodução/ YouTube

Continue lendo
Publicidade

Mais Lidas do Dia