Siga-nos em nossas redes

Cinema

Sem Marvel, conheça os principais lançamentos do cinema para o fim de 2019

Publicado a

em

A Marvel e a Disney dominaram os cinemas nos últimos meses, com lançamentos de peso, como Capitã Marvel, Vingadores: Ultimato e Homem-Aranha: Longe de Casa, ou Toy Story 4, Dumbo Aladdin e O Rei Leão. Agora, é a vez de outros estúdios mostrarem serviço.

Os últimos três meses de 2019 reservam vários lançamentos de peso. Apesar de a Marvel não lançar nenhuma novidade, a Disney volta ao páreo com Malévola 2 e o encerramento de uma nova trilogia do universo Star Wars, enquanto os cinéfilos poderão escolher entre produções nacionais e internacionais nas salas de exibição. Confira com o EntrePOP as principais novidades!

IT – CAPÍTULO 2 (5/09)

A continuação da obra baseada no livro de Stephen King chega aos cinemas apostando nas maldades do macabro Pennywise (Bill Skarsgård), no embalo do sucesso de It – A Coisa. O novo longa mostrará os personagens 30 anos mais velhos, na cidade de Derry, em uma tentativa de matar o palhaço macabro. O elenco tem nomes de peso, como James McAvoy, Jessica Chastain e Bill Hader.

RAMBO: ATÉ O FIM (19/09)

A franquia de sucesso nos anos 1980 volta aos cinemas mais de 11 anos depois do último longa. No quinto filme, Sylvester Stallone mostra Rambo vivendo recluso, em um rancho, quando precisa resgatar suas habilidades para enfrentar um cartel mexicano para resgatar a filha de uma família amiga.

HEBE, A ESTRELA DO BRASIL (26/09)

Andréa Beltrão vive a eterna dama da TV, Hebe Camargo (1929-2012), na cinebiografia que mostra os dilemas da apresentadora como mãe e mulher que deixava de ser diva nos palcos e sofria dentro de casa. A obra mostra a relação de Hebe com o primeiro marido, Décio Capuano (Gabriel Braga Nunes) e o segundo, Lélio Ravagnani (Marco Ricca). O elenco conta, ainda, com nomes como Danton Mello e Daniel Boaventura.

CORINGA (3/10)

Enquanto os fãs de quadrinhos esperam por mais uma produção da Marvel, a DC apresenta seu vilão mais famoso no longa Coringa, que mostra como Arthur Fleck se tornou o palhaço macabro que inferniza Batman. Coringa é protagonizado pelo polêmico Joaquin Phoenix.

PROJETO GEMINI (10/10)

Will Smith volta às telas de cinema após o sucesso de Aladdin no longa Projeto Gemini, que mistura ação, suspense e ficção científica. No filme, o astro vive o assassino de elite Henry Brogan, que de repente passa a ser perseguido por sua versão mais jovem. A produção é dirigida por Ang Lee.

MALÉVOLA: DONA DO MAL (17/10)

A Disney traz Angelina Jolie de volta no papel da vilã mais poderosa de seu universo, na sequência de Malévola (2014). O novo longa traz o ator Harris Dickinson, Michelle Pfeiffer, Ed Skrein e Chiwetel Ejiofor, além de Elle Fanning, Sam Riley e o trio de fadas Imelda Staunton, Juno Temple e Lesley Manville.

O EXTERMINADOR DO FUTURO: DESTINO SOMBRIO (31/10)

Os anos 1980 estão em alta nos cinemas! Além de Rambo, o Exterminador do Futuro volta às telonas no sexto filme da franquia, que traz o reencontro de Arnold Schwarzenegger e Linda Hamilton. O filme é produzido por Tim Miller, que dirigiu Deadpool, e tem produção de James Cameron.

OS PARÇAS 2 (14/11)

Tentando repetir o sucesso de 2017, quando levaram mais de 1,5 milhão de pessoas aos cinemas, os humoristas Tom Cavalcante, Tirullipa e Whindersson Nunes voltam às telonas em Os Parças 2. O trio terá que se esconder em uma colônia de férias falida para escapar de um mafioso.

STAR WARS – A ASCENÇÃO SKYWALKER (19/11)

A terceira trilogia Star Wats chega ao fim com o encerramento das tramas iniciadas em O Despertar da Força (2015) e Os Últimos Jedi (2017). Dirigido por J. J. Abrams, A Ascenção Skywalker tem algumas dúvidas a responder, com um elenco de peso: Daisy Ridley, Adam Driver, John Boyega, Oscar Isaac, Lupita Nyong’o, Keri Russell e Mark Hammill.

MINHA MÃE É UMA PEÇA 3 (26/12)

No dia seguinte ao Natal, Paulo Gustavo recomeça sua saga para levar milhões aos cinemas. O ator e roteirista, que levou mais de 15 milhões de pessoas para assistir as duas primeiras edições da saga Minha Mãe é Uma Peça, completa a trilogia tratando de assuntos como casamento gay e gravidez.

Comentários

Cinema

Em filme da Globo, Hebe Camargo diz que nunca trabalharia no canal

Publicado a

em

O longa Hebe, A Estrela do Brasil deve mostrar um lado desconhecido de Hebe Camargo (1929-2012), bem como curiosidades a respeito da apresentadora, considerada a grande dama da televisão brasileira.

Em uma das cenas que dão o que falar no filme protagonizado por Andréa Beltrão, Hebe Camargo dispara que jamais trabalharia na Globo porque tinha medo de ser censurada pela emissora líder de audiência. A declaração surpreende, já que a Globo Filmes é uma das produtoras do longa, que deve virar, ainda, minissérie na emissora dos Marinho em 2020.

Globo nega Êta Mundo Bom e anuncia Avenida Brasil no Vale a Pena Ver de Novo

Na sequência, Hebe Camargo havia acabado de pedir demissão da Band por sofrer pressão para parar de criticar políticos. Sem vontade de gravar o programa fora do ar, a apresentadora jogou o microfone no chão durante a última edição ao vivo e anunciou que não voltaria mais para aquele estúdio.

Em seguida, a loira sai para festejar com as inseparáveis amigas Lolita Rodrigues (Karine Teles) e Nair Bello (Cláudia Missura), enche a cara e canta Roberto Carlos num bar. Em seguida, as três comentam que a apresentadora já havia recebido convites da Record e do SBT.

Nair Bello, então, afirma que a amiga deveria migrar para a Globo, apoiada por Lolita Rodrigues. “Eu nunca ia poder ser eu mesma na Globo”, discursa ela, em argumento prontamente rejeitado pelas duas. “E eu não ia poder beber na TV”, continua Hebe, então ganhando a concordância das amigas.

Hebe Camargo nunca trabalho na Globo. A apresentadora estreou na Tupi e passou por Record, Bandeirantes, SBT e RedeTV. Em 2012, a loira chegou a ser recontratada por Silvio Santos, mas morreu dois dias depois.

O elenco de Hebe, a Estrela do Brasil conta ainda com Danton Mello (Claudio Pessutti, sobrinho da apresentadora), Caio Horowicz (Marcello, o filho), Daniel Boaventura (Silvio Santos) e Stella Miranda (Dercy Gonçalves), Felipe Rocha (Roberto Carlos) e Otávio Augusto (Chacrinha). A direção é de Maurício Farias.

FOTO: Divulgação/Warner Bros

Continue lendo

Cinema

História de Claudinho e Buchecha vai virar filme, musical e livro

Publicado a

em

Os fãs da dupla Claudinho e Buchecha podem comemorar: a história dos cantores vai ser contada em um filme, um musical e um livro!

A informação foi confirmada pelo próprio Buchecha em suas redes sociais, um dia depois de o cantor anunciar a produção de um longa sobre a dupla.

Jair Bolsonaro tenta vetar estreia de filme com Bruna Marquezine

“Para quem ama teatro! Preparem-se, pois, antes do filme, vem o musical da dupla e ainda tem o livro! ‘Nossa história vai virar cinema, e a gente vai passar em Hollywood’”, comemorou.

A peça sobre Claudinho e Buchecha terá direção de Nado Grimberg e se chamará Só Love – O Musical. A estreia está prevista para novembro, no Rio de Janeiro, “mas pode se estender ao país inteiro”, completa o funkeiro.

Antes da estreia das produções, Buchecha tem compromisso marcado no Rock in Rio. O funkeiro é uma das atrações do Palco Sunset, no dia 5 de outubro, ao lado da Funk Orquestra, com Ludmilla e Fernanda Abreu.

FOTO: Reprodução

Continue lendo

Cinema

Jair Bolsonaro tenta vetar estreia de filme com Bruna Marquezine

Publicado a

em

Bruna Marquezine causou ao surgir de topless e fumando maconha em sua primeira experiência no cinema, no filme Vou Nadar Até Você. No entanto, tudo indica que Jair Bolsonaro (PSL) não gostou nem um pouco do longa. O político tomou uma decisão drástica em relação à produção.

Depois de tomar ciência sobre o projeto, Jair Bolsonaro proibiu que o filme receba recursos da Agência Nacional de Cinema, a Ancine.

Luciano Huck empata com Bolsonaro em pesquisa sobre eleições de 2022

De acordo com o Estadão, seria uma tentativa de vetar o lançamento de Vou Nadar Até Você no Brasil. Bolsonaro teria alegado que o filme “choca seus padrões morais” em cenas polêmicas.

Apesar da estratégia polêmica de Jair Bolsonaro, o diretor do filme, Klaus Mitteldorf, revelou que conseguiu concluir a produção do longa “por milagre”.

“O dinheiro que era para a pós-produção e o lançamento do filme foi bloqueado pela Ancine”, lamentou.

O filme conta a história de Ophélia, interpretada por Bruna Marquezine, que vive em busca do pai. Vou Nadar Até Você foi exibido no festival de Gramado e estreia em outubro nas salas de cinema brasileiras.

A tentativa de Jair Bolsonaro de censurar o filme não surpreende. O presidente já deu sinais de que não deve facilitar o repasse de recursos públicos a filmes que não sigam seus valores morais conservadores. Além disso, Bruna Marquezine é uma das famosas que mais se engajou na campanha Ele Não, contra o político.

FOTO: Reprodução

Continue lendo

Cinema

Disney divulga trailer do live-action de ‘A Dama e o Vagabundo’; confira!

Publicado a

em

A Disney divulgou na última sexta-feira (23) o primeiro trailer da versão em live-action de ‘A Dama e o Vagabundo’.

O vídeo mostra a cachorrinha Dama chegando ainda filhote na casa de seus donos. Depois, já crescida, ela surge conhecendo o Vagabundo.

LEIA TAMBÉM: Disney divulga primeiro trailer de Frozen 2, confira!

A sequência ainda conta com os cachorrinhos correndo juntos, vendo a cidade de longe e a famosa cena do jantar.

Charles Bean é o diretor e Andrew Bujalski assina o roteiro da produção. O filme será lançado em 12 de novembro o Disney+, a nova plataforma de streaming da empresa.

Confira o trailer do live-action de ‘A Dama e o Vagabundo’:

Foto: Divulgação/ Disney

Continue lendo

Cinema

Confira os lançamentos do cinema na semana de 19 a 25 de agosto

Publicado a

em

De terror a comédia, descubra quais são os principais lançamentos do cinema na semana 19 a 25 de agosto!

O destaque vai para o Brinquedo Assassino, a nova versão de um dos clássicos de terror dos anos 2000. Nesta semana, também tem o lançamento de uma comédia brasileira e uma encantadora animação. Confira!

LEIA TAMBÉM: Sem Marvel, conheça os principais lançamentos do cinema para o fim de 2019

Brinquedo Assassino

Andy (Gabriel Bateman) e sua mãe, Karen (Aubrey Plaza), se mudam para uma nova cidade. Preocupada com a dificuldade do filho em fazer amigos, ela dará um boneco tecnológico de presente em seu aniversário.

O problema começará quando o boneco Chuck, que tem inúmeras funções, como conversar com a criança, por exemplo, ficar possessivo com a criança. Ele fará de tudo para afastar Andy das pessoas que o amam.

Classificação indicativa: 16 anos | Gênero: Terror

Os Brinquedos Mágicos

Nessa história mágica, Nathan, que é um pequeno boneco infusor de chá, não consegue ganhar cor e é zombado pelos outros bonecos do local.

Mas, tudo mudará quando um robô do futuro aparecer na loja. Nathan embarcará em uma grande aventura em busca de respostas ao lado do novo amigo!

Classificação indicativa: Livre | Gênero: Infantil

Socorro, Virei uma Garota!

Na comédia nacional, Júlio (Victor Lamoglia) é um nerd praticamente invisível no colégio que é apaixonado por Melina (Manu Gavassi).

A vida dele muda quando ele pede para se tornar a pessoa mais popular do colégio. O motivo? Após o pedido ele se transforma em uma garota (Thati Lopes) que é a melhor amiga de sua grande paixão.

Classificação indicativa: 12 anos| Gênero: Comédia

Foto: Divulgação/ Imagem Filmes

Continue lendo
Publicidade

Mais Lidas do Dia